CUT abre nesta quarta (8) programação do Mês da Consciência Negra

Eventos vão abordar o racismo estrutural e a intolerância religiosa no contexto do golpe.

Escrito por: Walber Pinto, da CUT Brasil e Vanessa Ramos, da CUT-SP • Publicado em: 08/11/2017 - 14:41 • Última modificação: 08/11/2017 - 15:05 Escrito por: Walber Pinto, da CUT Brasil e Vanessa Ramos, da CUT-SP Publicado em: 08/11/2017 - 14:41 Última modificação: 08/11/2017 - 15:05

Divulgação

Frente aos retrocessos vividos no país, a CUT (Central Única dos Trabalhadores) vai discutir em novembro, Mês da Consciência Negra, o atraso brutal nas políticas de combate ao racismo e como atravessar este momento de golpe que atinge principalmente a população negra.

As atividades, na sede da CUT em São Paulo, começam com um ato ecumênico pelo fim da intolerância religiosa, nesta quarta, às 14h, , e vai reunir militantes da luta antirracista que discutirão temas como racismo estrutural – além de uma exposição cultural e o relançamento da Campanha Basta de Racismo no Trabalho e na Vida. 

O Dia da Consciência Negra lembra a data da morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares, perseguido e morto em 20 de novembro de 1695. A data foi incluída no calendário escolar nacional em 2003. Em 2011 a Lei 12.519 instituiu oficialmente a data como o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra. Entretanto, a data de 20 de novembro é feriado em algumas cidades brasileiras.

No país em que a escravidão se perpetuou por mais de 300 anos, se naturalizou, infelizmente, os discursos opressivos contra a população negra. Para Júlia Nogueira, secretária nacional de Combate ao Racismo, “precisamos criar formar de lutar contra o racismo e contra o genocídio de jovens negros”. “Fechar os olhos para este problema é deixar mais de 50% da população brasileira sem respostas para enfrentar os retrocessos que estamos vivendo”, enfatiza a dirigente.

Para a secretária de Combate ao Racismo da CUT-SP, Rosana Aparecida da Silva, a luta contra a discriminação tem, que ser permanente. “A nossa luta é feita todos os dias, em cada espaço onde atuamos. No mundo do trabalho, há diferença salarial entre negros e brancos e quase nunca são os negros e as negras que ocupam os cargos de destaque. Com a reforma trabalhista, isso irá piorar ainda mais. É por isso que realizaremos uma ampla ação em novembro”, explica.

Veja a programação de hoje (8/11):

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Veja a agenda de novembro – Mê da Consciência Negra

08/11 - Ato de abertura do Mês da Consciência Negra e lançamento da Campanha Basta de Racismo da CUT-SP, às 14h
Local:
 Auditório da CUT - Rua Caetano Pinto, 575, Brás – São Paulo-SP
Realização: Secretaria de Combate ao Racismo e de Cultura da CUT Nacional, em parceria com a Secretaria de Combate ao Racismo da CUT-SP

Osasco – Jornada de Reflexão e Lutas
11/11, 10h às 12h - Cultura e Sindicalismo
11/11, 13h às 18h - Educação e Ancestralidade
Local: Rua Antônio B. Coutinho, 118, centro de Osasco

13/11 – Lançamento da Exposição Fotográfica dos 30 anos da Comissão de Igualdade Racial e de Combate ao Racismo do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, a partir das 13h
Local: Sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC - Rua João Basso, 231 - Centro - São Bernardo do Campo/SP

17/11 – Lançamento do Estatuto da Igualdade Racial na Câmara de Vereadores de Cosmópolis, às 19h  
Local: Rua Presidente Getúlio Vargas, 500 – Centro de Campinas-SP
Realização: Coletivo de Combate ao Racismo de Campinas em parceria com a vereadora Cristiane Paes.

18/11 – Debate sobre a Década Internacional de Afrodescendentes, às 14h
Local:
 Sede do Sindsaúde ABC, na Av. Pereira Barreto, 1900, Santo André-SP
Realização: Sindsaúde ABC

18/11 – Visita ao quilombo - fazenda Santa Rita, no Rio de Janeiro
Realização:
 Sindicato dos Químicos de São Paulo

19/11 – Atividade do Mês da Consciência Negra em Mogi das Cruzes, das 10h às 17h
Lavagem da imagem de Zumbi dos Palmares, missa afro, congada, dança cigana, capoeira, aula pública, comidas típicas e banda Axé Mogi com Umbanda
Local: na Praça Zumbi dos Palmares, Av. Henrique Péres - Vila Bernadotti, Mogi das Cruzes - SP

20 DE NOVEMBRO EM SP

CAPITAL
14ª Marcha da Consciência Negra, a partir das 13h
Contra o racismo, o Genocídio: Por um projeto político de vida para o povo negro
Local
: Masp – Avenida Paulista, 1.578 – São Paulo-SP

CAMPINAS
Marcha Zumbi dos Palmares, a partir das 9h
Local:
 Concentração na Estação Cultura, Praça Marechal Floriano Peixoto. Depois haverá cortejo pela Rua 13 de Maio (rua do Comércio de Campinas), Conceição, Barão de Jaguará, Av. Benjamim Constant e Av. Francisco Glicério. A atividade terminará no Largo do Rosário.

Entrega do Diploma de Honra ao Mérito “Zumbi dos Palmares”, às 20h
Local: Câmara de Vereadores de Campinas, Av. da Saudade, 1.004 - Ponte Preta

SOROCABA
Marcha Zumbi & Dandara – a partir das 10h
Local:
 Rua Barão de Tatuí, em frente à Capela João de Camargo
Informações: Após Ato Ecumênico, os participantes seguirão para Feira Crespa na Praça Coronel Fernando Prestes

OSASCO
Marcha da Consciência Negra - concentração às 10h

Local: Estação de trem em Osasco, Praça Antônio Menck, 74, Centro, Osasco-SP

21/11 – Cortejo Racial dos Bancários - concentração às 11h
Local: 
Em frente à sede do Sindicato dos Bancários SP, rua São Bento, 413, centro de São Paulo-SP
Realização: Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região

21/11 - Seminário “A Visibilidade da Mulher Negra”, com Kika Silva, às 14h
Local:
 Café dos Bancários, à Rua São Bento, 413 – São Paulo-SP
Realização: Sindicato dos Bancários de SP

22/11 - Sessão Solene com Audiência Pública em Osasco, às 19h
Local:
 Escola de Artes, R. Ten. Avelar Pires de Azevedo, 360 - Centro, Osasco-SP

24/11 - Sexta Cultural em Campinas, às 17h
Local: 
Auditório “João do Prumo”, no Sindicato da Construção Civil, Rua: Barão de Jaguara, 704, Centro de Campinas-SP
Palestrante: Cinthia Vilas Boas: Diretora de Políticas Sociais do Sindicato dos Psicólogos do Estado de São Paulo, educadora Social, psicóloga e militante no movimento negro e no movimento da rede Articula Juventude Campinas.
Organização: Sindicato da Construção Civil, em parceria com o Coletivo de Combate ao Racismo

25/11 - Evento Multicultural em Osasco, às 10h
Local: 
Rua Antônio B. Coutinho, 118

25/11 - Memorial dos Coletivos em São Carlos, das 14h às 19h  
Local: 
Clube de Campo do Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos, à Rua Procópio de Arruda Ferraz, n° 1000, Santa Felícia
Realização: Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Subsede da CUT em São Carlos

26/11 – Batizado de Capoeira em Osasco, às 14h
Local: Rua Antonio B. Coutinho, 118, Centro de Osasco-SP

27/11 – Ato de Lançamento da Revista Conversa de Griô, , às 19h 
A atividade é em comemoração aos 30 anos da Comissão de Igualdade Racial e de Combate ao Racismo do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Local: Sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC - Rua João Basso, 231 - Centro - São Bernardo do Campo-SP

30/11 Seminário “Questões Raciais no Trabalho e na Sociedade”, das 9h às 13h
Local:
 Rua Major Diogo, 634 – Bela Vista – SP
Realização: Fetquim – Federação dos Trabalhadores do Ramo Químico

30/11 - Debate e Lançamento de obra com textos de coletânea, com o tema: "Educação e Empoderamento da Mulher Negra", das 18h às 22h 
Local: Unidade Vergueiro - Auditório da Universidade, Rua Vergueiro, 235/249, no bairro Liberdade, São Paulo-SP
Realização: alunos e ex-alunos dos Programas de Pós-Graduação em Educação e de Gestão e Práticas Educacionais, pesquisadores do Grupo de Pesquisa Étnicorracial Ylê Educare da Uninove, com participação da Secretaria de Combate ao Racismo da CUT-SP

Título: CUT abre nesta quarta (8) programação do Mês da Consciência Negra, Conteúdo: Frente aos retrocessos vividos no país, a CUT (Central Única dos Trabalhadores) vai discutir em novembro, Mês da Consciência Negra, o atraso brutal nas políticas de combate ao racismo e como atravessar este momento de golpe que atinge principalmente a população negra. As atividades, na sede da CUT em São Paulo, começam com um ato ecumênico pelo fim da intolerância religiosa, nesta quarta, às 14h, , e vai reunir militantes da luta antirracista que discutirão temas como racismo estrutural – além de uma exposição cultural e o relançamento da Campanha Basta de Racismo no Trabalho e na Vida.  O Dia da Consciência Negra lembra a data da morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares, perseguido e morto em 20 de novembro de 1695. A data foi incluída no calendário escolar nacional em 2003. Em 2011 a Lei 12.519 instituiu oficialmente a data como o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra. Entretanto, a data de 20 de novembro é feriado em algumas cidades brasileiras. No país em que a escravidão se perpetuou por mais de 300 anos, se naturalizou, infelizmente, os discursos opressivos contra a população negra. Para Júlia Nogueira, secretária nacional de Combate ao Racismo, “precisamos criar formar de lutar contra o racismo e contra o genocídio de jovens negros”. “Fechar os olhos para este problema é deixar mais de 50% da população brasileira sem respostas para enfrentar os retrocessos que estamos vivendo”, enfatiza a dirigente. Para a secretária de Combate ao Racismo da CUT-SP, Rosana Aparecida da Silva, a luta contra a discriminação tem, que ser permanente. “A nossa luta é feita todos os dias, em cada espaço onde atuamos. No mundo do trabalho, há diferença salarial entre negros e brancos e quase nunca são os negros e as negras que ocupam os cargos de destaque. Com a reforma trabalhista, isso irá piorar ainda mais. É por isso que realizaremos uma ampla ação em novembro”, explica. Veja a programação de hoje (8/11): Veja a agenda de novembro – Mê da Consciência Negra 08/11 - Ato de abertura do Mês da Consciência Negra e lançamento da Campanha Basta de Racismo da CUT-SP, às 14h Local: Auditório da CUT - Rua Caetano Pinto, 575, Brás – São Paulo-SP Realização: Secretaria de Combate ao Racismo e de Cultura da CUT Nacional, em parceria com a Secretaria de Combate ao Racismo da CUT-SP Osasco – Jornada de Reflexão e Lutas 11/11, 10h às 12h - Cultura e Sindicalismo 11/11, 13h às 18h - Educação e Ancestralidade Local: Rua Antônio B. Coutinho, 118, centro de Osasco 13/11 – Lançamento da Exposição Fotográfica dos 30 anos da Comissão de Igualdade Racial e de Combate ao Racismo do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, a partir das 13h Local: Sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC - Rua João Basso, 231 - Centro - São Bernardo do Campo/SP 17/11 – Lançamento do Estatuto da Igualdade Racial na Câmara de Vereadores de Cosmópolis, às 19h   Local: Rua Presidente Getúlio Vargas, 500 – Centro de Campinas-SP Realização: Coletivo de Combate ao Racismo de Campinas em parceria com a vereadora Cristiane Paes. 18/11 – Debate sobre a Década Internacional de Afrodescendentes, às 14h Local: Sede do Sindsaúde ABC, na Av. Pereira Barreto, 1900, Santo André-SP Realização: Sindsaúde ABC 18/11 – Visita ao quilombo - fazenda Santa Rita, no Rio de Janeiro Realização: Sindicato dos Químicos de São Paulo 19/11 – Atividade do Mês da Consciência Negra em Mogi das Cruzes, das 10h às 17h Lavagem da imagem de Zumbi dos Palmares, missa afro, congada, dança cigana, capoeira, aula pública, comidas típicas e banda Axé Mogi com Umbanda Local: na Praça Zumbi dos Palmares, Av. Henrique Péres - Vila Bernadotti, Mogi das Cruzes - SP 20 DE NOVEMBRO EM SP CAPITAL 14ª Marcha da Consciência Negra, a partir das 13h Contra o racismo, o Genocídio: Por um projeto político de vida para o povo negro Local: Masp – Avenida Paulista, 1.578 – São Paulo-SP CAMPINAS Marcha Zumbi dos Palmares, a partir das 9h Local: Concentração na Estação Cultura, Praça Marechal Floriano Peixoto. Depois haverá cortejo pela Rua 13 de Maio (rua do Comércio de Campinas), Conceição, Barão de Jaguará, Av. Benjamim Constant e Av. Francisco Glicério. A atividade terminará no Largo do Rosário. Entrega do Diploma de Honra ao Mérito “Zumbi dos Palmares”, às 20h Local: Câmara de Vereadores de Campinas, Av. da Saudade, 1.004 - Ponte Preta SOROCABA Marcha Zumbi & Dandara – a partir das 10h Local: Rua Barão de Tatuí, em frente à Capela João de Camargo Informações: Após Ato Ecumênico, os participantes seguirão para Feira Crespa na Praça Coronel Fernando Prestes OSASCO Marcha da Consciência Negra - concentração às 10h Local: Estação de trem em Osasco, Praça Antônio Menck, 74, Centro, Osasco-SP 21/11 – Cortejo Racial dos Bancários - concentração às 11h Local: Em frente à sede do Sindicato dos Bancários SP, rua São Bento, 413, centro de São Paulo-SP Realização: Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região 21/11 - Seminário “A Visibilidade da Mulher Negra”, com Kika Silva, às 14h Local: Café dos Bancários, à Rua São Bento, 413 – São Paulo-SP Realização: Sindicato dos Bancários de SP 22/11 - Sessão Solene com Audiência Pública em Osasco, às 19h Local: Escola de Artes, R. Ten. Avelar Pires de Azevedo, 360 - Centro, Osasco-SP 24/11 - Sexta Cultural em Campinas, às 17h Local: Auditório “João do Prumo”, no Sindicato da Construção Civil, Rua: Barão de Jaguara, 704, Centro de Campinas-SP Palestrante: Cinthia Vilas Boas: Diretora de Políticas Sociais do Sindicato dos Psicólogos do Estado de São Paulo, educadora Social, psicóloga e militante no movimento negro e no movimento da rede Articula Juventude Campinas. Organização: Sindicato da Construção Civil, em parceria com o Coletivo de Combate ao Racismo 25/11 - Evento Multicultural em Osasco, às 10h Local: Rua Antônio B. Coutinho, 118 25/11 - Memorial dos Coletivos em São Carlos, das 14h às 19h   Local: Clube de Campo do Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos, à Rua Procópio de Arruda Ferraz, n° 1000, Santa Felícia Realização: Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Subsede da CUT em São Carlos 26/11 – Batizado de Capoeira em Osasco, às 14h Local: Rua Antonio B. Coutinho, 118, Centro de Osasco-SP 27/11 – Ato de Lançamento da Revista Conversa de Griô, , às 19h  A atividade é em comemoração aos 30 anos da Comissão de Igualdade Racial e de Combate ao Racismo do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC Local: Sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC - Rua João Basso, 231 - Centro - São Bernardo do Campo-SP 30/11 Seminário “Questões Raciais no Trabalho e na Sociedade”, das 9h às 13h Local: Rua Major Diogo, 634 – Bela Vista – SP Realização: Fetquim – Federação dos Trabalhadores do Ramo Químico 30/11 - Debate e Lançamento de obra com textos de coletânea, com o tema: Educação e Empoderamento da Mulher Negra, das 18h às 22h  Local: Unidade Vergueiro - Auditório da Universidade, Rua Vergueiro, 235/249, no bairro Liberdade, São Paulo-SP Realização: alunos e ex-alunos dos Programas de Pós-Graduação em Educação e de Gestão e Práticas Educacionais, pesquisadores do Grupo de Pesquisa Étnicorracial Ylê Educare da Uninove, com participação da Secretaria de Combate ao Racismo da CUT-SP



Informativo CUT PB

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.